Silver Linings Playbook

Dentre todos os filmes que assisti na temporada Oscar 2013, esse filme foi o que mais me surpreendeu: Silver Linings Playbook, com o nome em português “O lado bom da vida”, com direção e roteiro de David O. Russell.

O filme é baseado no livro de Matthew Quick, publicado com o mesmo nome.

Eu não cheguei a ler o livro, e como de costume, eu assisti o filme sem ler a sinopse, pois eu acredito que sinopses acabam com a graça do filme, portanto, se você é como eu, pare de ler por aqui!

O filme conta a história de Pat, o gatíssimo Bradley Cooper, que sai de um sanatório e volta a morar com os pais. Assim que sai, ele tenta colocar sua vida no lugar e se reconciliar com a mulher (motivo pelo qual ele foi parar no sanatório!).

Nesse entremeio, Pat conhece Tiffany, vivida incrivelmente por Jennifer Lawrence (que fez Jogos Vorazes), e ela muda o foco de sua vida. Por uma troca de favores, Pat começa a treinar com Tiffany para um concurso de dança.

Entre muitos surtos, muitas crises, e muitas cenas cômicas, o filme surpreende pela trama verdadeira e comovente.

Não tem falsidade, nem vidas perfeitas, nem há uma necessidade de mega produções, o filme se faz com atores de verdade (incluindo a participação de Robert De Niro) e com uma trama de realidade.

Muito bem dirigido, muito bem editado, o filme ganhou meu voto, mesmo sabendo que não é o mais cobiçado pro Oscar.

Com certeza, vale conferir!

Anúncios

Um comentário em “Silver Linings Playbook

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s